6 livros que todo investidor deveria ler.

A base de um bom investidor é a educação financeira. Através dela que se torna possível entender não apenas sobre o mercado financeiro, mas também a própria personalidade no momento de escolher seus ativos. Assim, conhecer os livros que todo investidor deveria ler é o ponto de partida para ter sucesso nas rendas fixa e variável.

Não à toa, os maiores nomes dos investimentos globais colocam isso como prioridade para quem quer acumular bons dividendos. Afinal, unir teoria e prática é fundamental em qualquer segmento, não é mesmo? Acompanhe, abaixo, os 6 livros que todo investidor deveria ler – tornando-se, assim, um expert no mercado financeiro.

1. Pai Rico, Pai Pobre

Começamos a lista com um best-seller que, acima de apontar as principais aplicações, mostra como um investidor de sucesso se comporta. Robert Kiyosaki e Sharon Lechter são enfáticos nesse ponto, abordando a trilha de dois pais, um rico e pobre, e como tomam suas decisões.

Indispensável para quem está iniciando no mundo dos investimentos, mas literatura referência até para os mais experientes.

2. O Investidor Inteligente

Uma obra que rompe o tempo. Escrito em 1949 por Benjamin Graham, é atual em vários sentidos: mostra como decisões sem análises estatísticas e científicas, de cálculos comuns a complexos, podem minar o investidor.

Além disso, traz de forma concisa e direta vários aspectos da renda variável . Outro motivo que mostra a importância da obra: o megainvestidor Warren Buffett tem ‘O Investidor Inteligente’ como seu principal livro de referência.

3. Bitcoin: A Moeda na Era Digital

Uma obra em português de Fernando Ulrich, economista de Portugal. Não só é o primeiro, como um dos principais livros sobre o Bitcoin, abordando a história e o panorama atual da moeda digital.

Importantíssimo para todo investidor que deseja iniciar a leitura sobre criptomoedas – além de possuir uma vantagem fundamental: possui um ebook que pode ser baixado gratuitamente.

4. Finanças Comportamentais

Mais denso, mas indispensável, ‘Finanças Comportamentais’, do autor Aquiles Mosca, aborda um problema recorrente até quem tem ‘tempo de estrada’ no mercado financeiro: os equívocos nos aportes, resgates e vendas.

O livro, apesar de ser uma análise científica, permite uma fácil e acessível leitura, apesar de pontos pouco convencionais. Por fim, apesar de ser voltado mais ao mundo das ações, os conceitos podem ser aplicados a criptomoedas e renda fixa.

5. Os Axiomas de Zurique

Vários investidores são enfáticos: não há como ter sucesso na operação de ativos variáveis sem a leitura dos ‘Axiomas de Zurique’, de Max Gunther. A obra conta com 12 axiomas que devem guiar qualquer tipo de ação no mercado financeiro, todos voltados a curto e médio prazo.

Segundo o autor, o pensamento a longo prazo é exclusivamente de se tornar um milionário, baseado em experiências de banqueiros suíços – que dão o nome ao livro.

6. Os Ensaios de Warren Buffett

Talvez o mais conceituado investidor do mundo, Warren Buffett compartilha duas décadas de experiência no mercado financeiro global. É uma leitura um pouco mais técnica, mas que constantemente precisa ser retornada.

Isto porque há, por exemplo, 15 dicas que mostram quais ativos da renda variável você deve escolher – e os motivos para isso. Diferente de outras obras, ‘Os Ensaios de Warren Buffett’ mostram como o setor privado impacta nas decisões do mercado.

Outras obras indispensáveis

Além destes 6 livros que todo investidor deveria ler, há uma série de outras obras que podem te ajudar em vários sentidos. Podemos destacar:

Os Segredos da Mente Milionário, de T. Harv Eker

;

Ações Comuns, Lucros Extraordinários, de Philip Fisher

;

O Homem Mais Rico da Babilônia, de George S. Clason

;

Blockchain Revolution, de Don Tapscott e Alex Tapscott

;

Trade Your Way to Financial Freedom, Van K. Tharp (não disponível em português)

Total
0
Shares
Total
0
Shares
0 Shares:
Talvez você também goste