Afinal, investir em criptomoedas é seguro?

As criptomoedas, como o Bitcoin, destacam-se cada vez mais no mercado de investimentos. Mas, com o iminente sucesso, surgem muitas dúvidas acerca desse tipo de produto financeiro digital. Entre as principais está: “afinal, investir em criptomoedas é seguro”? O assunto é importante porque abarca uma série de características.

Conhecer os níveis de segurança nas transações desse tipo de moeda virtual, desde a compra, passando pela manutenção da carteira até a venda, é indispensável para quem deseja iniciar (ou continuar) nesse tipo de investimento que só cresce. Saiba, no artigo a seguir, se investir em criptomoedas é realmente seguro – e quais ações tomar nesse sentido.

O sistema e o blockchain

O primeiro ponto a se analisar é o sistema – ou de forma análoga, o “mercado” – das criptomoedas. Diferente dos modelos convencionais, ela é totalmente baseada no ambiente digital, sem bancos físicos, por exemplo. Dentro desse contexto, para entender a segurança desse sistema precisamos compreender o que é o blockchain.

Basicamente, essa tecnologia é a base de todo o mercado do Bitcoin e moedas similares. O blockchain é, a grosso modo, uma cadeia com vários blocos de informações, onde toda a negociação é registrada através de criptografia. Ou seja: ele não é centralizado como os sistemas de bancos.

Isso demonstra que o sistema das criptomoedas é mais seguro que das instituições bancária – que apenas recentemente começaram a adotar o blockchain. Por fim, para burlar toda a rede que liga as criptomoedas, seria necessário que um usuário alcançasse todos os blocos compartilhados entre a totalidade de usuários. Parece inviável, não?

A segurança nas operações

Não apenas em relação ao sistema que o blockchain dinamiza o mercado de criptomoedas: ele permite que as próprias operações, de compra e venda, sejam transparentes – e, consequentemente, mais seguras. A cadeia de blocos registra todas as operações, sendo uma ótima forma de eliminar fraudes e “trapaças” durante qualquer tipo de negociação.

O problema – comum a qualquer investimento que você tenha, como uma conta em corretora – é a possibilidade de hackers roubarem suas criptomoedas. A fórmula é mesma de sempre: malwares que chegam até o seu dispositivo por aplicativos, downloads, acessos, no seu computador ou celular, por exemplo, e roubam os investimentos da sua carteira.

Contudo, assim como em outras situações, os níveis de cibersegurança vêm se aprimorando. O fato é: moedas como o Bitcoin devem ser operadas com cautela e, principalmente, junto a empresas confiáveis para fazer as operações, escolhendo aquelas com um sistema de segurança mais aprimorado. Confira esse passo antes de investir.

Investimentos, volatilidade e rentabilidade

Nosso terceiro e último ponto é em relação ao mercado: as moedas digitais podem ser entendidas como um investimento em renda variável. Ou seja, estão atreladas à volatilidade, podendo ter tanto altas valorizações como grandes desvalorizações. Mas, nesse ponto, quando falamos de sua rentabilidade, a segurança é do próprio investidor.

“Trocando em miúdos”, criptomoedas como o Bitcoin podem trazer ganhos acima das ações, mas dependem que o investidor entenda esse processo. Pois, como sabemos, nos investimentos há sempre o risco – e, quem assume eles sabendo o que fará, pode ter rentabilidades extraordinárias.

Conclusão

Criptomoedas são seguras quando falamos dos sistemas, precisam de atenção quando comercializadas devido ao seu dispositivo e empresa escolhida para operar, além de serem um investimento com riscos. Entender essas características mostra que, do Bitcoin a outras moedas do gênero, um bom estudo e entendimento sobre o assunto podem fazer o diferencial nos seus ativos.


Importante:

Este material é somente para finalidades informacionais. Esta não é uma oferta de compra ou venda, ou uma solicitação de qualquer oferta de compra ou venda de qualquer dos ativos mencionados. As informações apresentadas não envolvem a prestação de consultoria personalizada em investimentos, finanças, leis ou impostos. Certas declarações aqui contidas podem constituir projeções, previsões e outras declarações prospectivas, que não refletem obrigatoriamente resultados reais e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio. As informações fornecidas por fontes de terceiros são consideradas confiáveis ​​e não foram verificadas independentemente quanto à precisão ou integridade e não podem ser garantidas. As informações aqui contidas representam a opinião do (s) autor (es), mas não necessariamente da BlueBenx.

Todo investimento está sujeito a riscos, incluindo a possível perda do dinheiro investido. Como em qualquer estratégia de investimento, não há garantia de que os objetivos de investimento sejam alcançados e os investidores possam perder dinheiro. A diversificação não garante lucro ou protege contra uma perda em um mercado em declínio. O desempenho passado não é garantia de resultados futuros.

Total
1
Shares
Total
1
Shares
1 Shares:
Talvez você também goste